Escolha uma Página

Benefícios do pilates na gestação

O corpo muda rapidamente durante a gestação, o que causa dores, má postura e alguns desconfortos, mas tudo isso pode ser amenizado com a prática de Pilates, que trás inúmeros benefícios para a mulher, como o controle do peso, condicionamento físico, melhora da postura, prevenção e alívio de dores, mais disposição, entre outros.

Como é considerado um exercício completo, as grávidas podem usufruir de seus benefícios e alguns exercícios precisam de modificações para se adaptar às necessidades de uma pessoa que está em uma fase de grandes mudanças em seu corpo. O alongamento e fortalecimento de todos os grupos musculares são importantes, pois o centro de gravidade do corpo é alterado e a curvatura da coluna lombar é aumentada, causando dores e desconforto se não for trabalhado. Os exercícios devem ter foco no trabalho da musculatura pélvica que ajuda no preparo para o parto, fortalecimento e alongamento de membros inferiores para prevenir dores e suportar melhor o aumento do peso corporal, mobilização da coluna para alívio e prevenção de dores e fortalecimento de membros superiores, pois eles serão muito usados no pós parto para carregar o bebê no colo. A prioridade durante as aulas deve ser com a correção postural, que é a maior alteração no corpo durante a gestação.

Gestantes têm muita alteração do equilíbrio, portanto nada de exercícios acrobáticos ou instáveis, mesmo as mais experientes.

Quem nunca praticou Pilates deve esperar o final do primeiro trimestre para começar, mas quem sempre praticou não precisa parar, desde que seu médico obstetra esteja ciente da prática do exercício e a gestação siga sem complicações. Lembre-se sempre de conversar com seu médico antes de iniciar as aulas.21693958_s 9566023_s